ITCPS

AcronymDefinition
ITCPSInternational Tobacco Control Policy Survey (UK)
References in periodicals archive ?
Sinalizando esse fato, Oliveira (2006) argumenta que, enquanto a Rede de ITCPs procura adotar um metodo mais participativo, com caracteristicas contemporaneas (horizontalizado), distribuindo o poder da Rede em varias regionais no Brasil e adotando uma estrutura colegiada de organizacao, a Unitrabalho preconizava e implantava uma configuracao de gestao tradicional (verticalizada).
Apos a separacao das redes, verificou-se que a Rede Universitaria de Incubadoras Tecnologicas de Cooperativas Populares (Rede ITCPs) vem passando por um consideravel crescimento, seja em numero de entidades filiadas, seja em abrangencia e atuacao.
Como forma de ilustrar a distribuicao geografica ate o inicio do ano de 2010 das Incubadoras filiadas a Rede Universitaria, e apresentada a seguir uma figura ilustrativa, sinalizando a abrangencia no Brasil, com presencas nas regioes Sudeste, Sul e Nordeste e, mais recentemente, nas regioes Centro-Oeste e Norte das ITCPs afiliadas a Rede.
Especificamente, acreditase que o conhecimento desenvolvido no debate sobre os vinculos da rede pode auxiliar na elucidacao de aspectos constituintes da Rede Universitaria de ITCPs, ou seja, fomentar acoes que contemplem o significativo aumento no numero de entidades filiadas, onde a divulgacao de aspectos historicos e vinculares favorecera o fortalecimento da identidade dessa Rede.
Acredita-se que a utilizacao desses e de outros elementos possa auxiliar para uma melhor compreensao dos aspectos relacionados a formacao e manutencao dos vinculos na Rede de ITCPs. E, a partir da realidade mais bem mapeada e compreendida, ainda que nao em sua totalidade, o que tambem nao figura como objetivo desta proposta, espera-se que esta investigacao favoreca em alguns aspectos a atuacao da Rede de ITCPs e de seus membros, tais como: organizacao, comunicacao, consolidacao e disseminacao da Rede.
Acreditou-se que o programa de comunicacao virtual entre integrantes de ITCPs poderia subsidiar uma primeira filtragem das relacoes formais estabelecidas na Rede de incubadoras.
Apos a categorizacao das mensagens eletronicas em: a) Relacao direta ou b) Comunicacao, os dados foram lancados e processados no software PAJEK, que, alem de estruturar um sociograma com esses dados, nos forneceu um calculo da centralidade dos atores da Rede de ITCPs a partir dos contatos estabelecidos no grupo virtual de mensagens.
Na Figura 2, pode-se visualizar o sociograma de relacionamento da Rede Universitaria de ITCPs com base nas mensagens virtuais submetidas ao programa de debate virtual com carater relacional.
Como ja apresentado, os tracos de ligacao entre duas ITCPs (nos) sao denominados pelos autores que trabalham com redes, de lacos; e, conforme sua espessura, pode-se dizer que a relacao entre dois entes e mais ou menos intensa.
Pode-se observar, ainda, na Figura 2, questoes mencionadas por Granovetter (1985) e Burt (1992) com respeito aos lacos fracos e fortes, indicados na figura por tracos que unem as ITCPs. A interacao entre diversos atores e realizada por intermedio de personagens mais centrais ou com relacoes proximas aos nos do centro.
Apos essa primeira analise, passou-se para o procedimento de estratificar as ITCPs quanto ao seu tempo de filiacao junto a Rede Universitaria de ITCPs.
Constata-se, assim, o numero de ITCPs por estrato, divididas por regiao, o que ilustra o maior numero das incubadoras pioneiras no Sul e Sudeste brasileiro.