NIDN

AcronymDefinition
NIDNNavy Intelligence Data Network
Copyright 1988-2018 AcronymFinder.com, All rights reserved.
References in periodicals archive ?
A fracao B3 foi obtida pela diferenca entre os teores de NIDN e NIDA, enquanto a proteina verdadeira (fracoes B1 + B2) foi obtida pela diferenca entre a fracao A e o teor de NIDN.
A amonizacao contribuiu para maior (P<0,05) teor de PB, em virtude da incorporacao de NNP, e para menores (P<0,05) teores de N insoluvel (NIDA e NIDN), o que pode resultar em maior degradacao dos constituintes fibrosos no rumen, pois baixos teores de N insoluvel indicam disponibilidade de N no ambiente ruminal.
A digestibilidade verdadeira do nitrogenio (DVN) foi calculada considerando que somente o NIDN fecal e de origem alimentar da seguinte forma: DVN = (consumo de N (g [dia.sup.-1]) - NIDN fecal (g [dia.sup.-1]))/ consumo de N (g [dia.sup.-1]).
Apesar de o teor de CNF ter sido elevado com adicao de PCD, as digestibilidades da MS e da MO nao foram influenciadas, e outros fatores podem ter contribuido para tal resultado, como o elevado teor de NIDN e NIDA, que tornam indisponivel o nitrogenio para os microrganismos do rumen e limitam a acao destes sobre os componentes fibrosos (VAN SOEST, 1994).
Posteriormente, o material foi processado em moinho faca com peneira de crivos de 1 mm para determinacao de materia seca (MS), proteina bruta (PB), lignina em acido sulfurico a 72% (LIG), nitrogenio insoluvel em detergente neutro (NIDN) e acido (NIDA) de acordo com Silva e Queiroz (2002) e fibra em detergente neutro corrigida para cinzas e proteinas ([FDN.sub.CP]) e fibra em detergente acido (FDA), realizadas por meio do metodo sequencial proposto pela ANKOM Fiber Analyser ([ANKOM.sup.200]), citado por Holden (1999).
Ja a fibra em detergente neutro corrigida para cinzas e proteina (FDNcp), a fibra em detergente acido corrigida para cinzas e proteina (FDAcp), a hemicelulose, a celulose e a lignina em detergente acido (LDA) foram determinadas conforme MERTENS (2002) e o nitrogenio insoluvel em detergente neutro (NIDN) e o nitrogenio insoluvel em detergente acido (NIDA) foram determinados de acordo com LICITRA et al.
A metodologia utilizada (Tabela 1) para as determinacoes dos teores de materia seca (MS) nitrogenio insoluvel em detergente neutro (NIDN) e nitrogenio insoluvel em detergente acido (NIDA) foram as de autoria de Silva e Queiroz (2002).
Os teores de materia seca (MS), proteina bruta (PB), nitrogenio insoluvel em detergente neutro (NIDN) e nitrogenio insoluvel em detergente acido (NIDA) foram determinados segundo SILVA & QUEIROZ (2002), apos o processamento das amostras em moinho do tipo Willey adaptado com peneira de 1milimetro.
Teores medios de materia seca (MS), materia organica (MO), proteina bruta (PB), nitrogenio insoluvel em detergente neutro (NIDN), nitrogenio insoluvel em detergente acido (NIDA), extrato etereo (EE), carboidratos totais (CT), fibra em detergente neutro (FDN), fibra em detergente neutro corrigida para cinza e proteina (FDNcp), fibra em detergente acido (FDA), carboidratos nao-fibrosos (CNF), hemicelulose (Hem), celulose (Cel), lignina (Lig), materia mineral (MM) e fibra em detergente neutro indigestivel (FDNi) do capim Brachiaria brizantha e do suplemento.