RISOS

AcronymDefinition
RISOSResearch in Secured Operating Systems (Lawrence Livermore Laboratory; California)
References in periodicals archive ?
O Cristianismo e pouco propicio ao riso. [...]: o riso nao e natural no Cristianismo, religiao seria por excelencia.
Entretanto, e preciso salientar que mesmo com a invectiva da Igreja de tornar o riso uma coisa seria, o texto biblico possui referencias abertas ao fenomeno que causava grandes discussoes e era visto de acordo com a sua aplicacao e medida, em alguns momentos como coisa malefica, em outros, como atitude beatifica que iluminava o rosto daquele que acreditava na palavra de Deus.
Segundo Minois, isso demonstra que o texto biblico possui uma concepcao classica e ate mesmo equilibrada do fenomeno, a qual acaba por dessacralizar o riso, que passa a nao ter mais nenhuma relacao com o sobrenatural.
Nao ha mais o riso ritual, organizado, com uma funcao religiosa de retorno periodico ao caos ou a idade de ouro, nao mais saturnais, lupercais nem dionisicas.
Em relacao a esse tom contrastante do texto biblico que equilibra o jogo entre tristeza e riso, tome-se como exemplo o livro de Jo, 40, 15-19, em que e revelado que o hipopotamo e a obra-prima da criacao divina:
Do riso disse: Esta doido; e de alegria: De que serve esta?